Refogar

“Comece refogando a cebola, o alho e os demais temperos”

Ma!!!! Que diabos é “refogar“??

Cri.

Cri.

Cri.

Eu bem sei que tem muita gente, muita mesmo, que desiste de fazer alguma receita só de ler essa palavrinha mágica na primeira frase do modo de preparo.

É ué, o que é que tem? Ninguém nasce sabendo as técnicas básicas de culinária, por mais simples que elas sejam. Aí, quando a gente atinge uma certa idade, tem aquela sensação de “eu já devia saber o que é isso, não vou perguntar pra ninguém”.

É para isso que existe o Socorro na Cozinha! Ó que beleza.

Como “refogar” um alimento

Refogar é fritar os ingredientes (que a receita diz) em pouca gordura fervente.

Essa gordura pode ser qualquer uma, mas as mais comuns são: óleo, azeite e manteiga.

Nessa técnica, o alimento cozinha com pouca gordura, em temperatura alta e é mexido durante todo o tempo. Basicamente isso, sem nenhum mistério.

No preparo do arroz, por exemplo, a etapa anterior à adição da água é o que chamados de “refogar”.

Quando alguma receita disser: “refogue com cebola, alho, sal e tomates durante algum tempo e, em seguida, adicione a água e deixe cozinhar por 5 minutos”, você já sabe o que fazer. É para fritar os ingredientes com um pouco de gordura quente até eles ficarem cozidos, e aí vai começar outra etapa do preparo, na qual o método de cocção (“cozimento”) é outro.

“Mas o que é ‘um pouco’ de gordura, no caso?”

“No caso”, é um tanto que “molhe” todo o alimento que será refogado. Não é fritura por imersão, não é para fazer piscininha. É só o suficiente para envolver tudo que estiver ali.

Refogamos muito cebola e alho nas receitas por aí, repare só!

Para refogar a cebola, vou adiantar que você precisa fritar até que ela fique transparente. Já o alho, deixe dourar bem pouquinho (se for para fazer arroz, não deixe dourando, senão seu arroz não vai ficar todo branquinho). Bom, se a receita disser para fazer de algum modo específico, acredite nela!

Olha só que coisa mais sem sete cabeças? Não é uma moleza?

Agora você acaba de ganhar o mundo. Vai sair refogando tudo!!!

Tô até vendo. 🙂

Mostre isso pro mundo:

Quem escreve

Criei este blog em 2007 como quem não quer nada e ele se tornou a melhor coisa que já fiz na vida! Aqui eu compartilho tudo o que sei sobre culinária, conto minhas histórias e ajudo quem precisa das primeiras lições na cozinha.

36 comentários… add one

Leave a Comment