Pipoca com Manteiga

A pipoca do cinema é sempre mais gostosa, fato. A pipoca de casa é mais saudável, outro fato.

Claro, a pipoca do cinema tem um tanto de manteiga, que dá aquele gostinho inconfundível. Siiiim, tem manteiga mesmo. E não é para estourar o milho, ela é colocada depois que a pipoca já está pronta! (Sempre se perguntou isso?)

Bem, é feito assim na maioria das vezes. Em alguns casos usa-se um pó como esse que eu tenho em casa, com sabor de manteiga para pipoca! De qualquer forma, é colocado óleo para fazer o pó grudar na pipoca.

Alguns dos meus temperos para pipoca, porque eu gosto só um pouco. O “sabor manteiga” é o da tampa amarelinha.

Lá em Belo Horizonte tem uns cinemas que você pode pagar pela manteiga extra! Na sua cidade também tem isso?

Quer aprender a fazer sua própria pipoca de cinema para suas sessões domésticas? Eu ajudo:

Receita de Pipoca com Manteiga de Cinema

Ingredientes:

Pipoca (já estourada, sem sal!)

Manteiga sem sal derretida ( É “manteiga”, ninguém aqui disse “margarina”. A quantidade vai depender de quanta pipoca você vai fazer. Imagino que você deva começar com duas colheres de manteiga e, se achar que precisa mais depois de colocar sobre a pipoca, vá aumentando a quantidade)

Sal para pipoca (nunca viu? É um sal mais fininho que adere melhor. Se não tiver, use sal de cozinha mesmo!)

Modo de preparo:

Estoure a pipoca na panela ou na pipoqueira, como você já sabe fazer (olha lá o link para quem ainda não sabe). Também pode ser a pipoca de microondas, mas ela normalmente já tem manteiga, né? Se quiser uma dose extra…

Derreta no microondas a manteiga sem sal. Poucos segundos, pode começar colocando 30 e, se ainda não tiver derretido, vá acrescentando 10 em 10. Também pode derreter em uma panela, se quiser.

Você vai ver que a manteiga vai ficar assim: uma camada esbranquiçada no fundo e outra bem amarela por cima. Procure usar somente a camada amarela!

Vá pegando a manteiga com uma colher ou concha para molho (aquelas pequenininhas) e despeje-a sobre a pipoca bem devagar e aos poucos. Vá mexendo para que todas sejam atingidas pelo delicioso banho de gordura (que vai direto para o seu traseiro).

Profissional mesmo é colocar a manteiga com um borrifador. Ela vai se espalhar muito mais uniformemente. Para isso, use um borrifador (desses que também são usados para jardinagem, para limpeza, para molhar os cabelos…) que seja reservado para a cozinha! (Nunca use o mesmo borrifador para outra finalidade, ok?) Encha com a manteiga que você derreteu, só a parte amarelinha, e vá borrifando a pipoca e mexendo para elas virarem de lado.

Uma coisa importante é que a manteiga vai estar muito quente, então o ideal seria ter um borrifador de vidro, inox ou outro material resistente a altas temperaturas. O plástico pode derreter.

Polvilhe sal para pipoca ou o sal de cozinha. A quantidade você sabe, é só sacudir para espalhar e depois experimentar. Se precisar de mais, vá acrescentando! Cuidado para não pesar a mão logo de cara, porque tirar o sal fica complicado!

Conselho? Faça esta pipoca de vez em quando só, porque ela realmente não é muito amiga da sua saúde.

Tipo agora, véspera de feriado no Rio, começando o filminho sem medo de perder a hora para o trabalho no dia seguinte…

Pssssss, já começou!!!

PS.: Acho que o wordpress também entrou no clima do feriado, porque a publicação do meu post demorou horas e horas para acontecer! Desculpem o delay!!

Mostre isso pro mundo:

Quem escreve

Criei este blog em 2007 como quem não quer nada e ele se tornou a melhor coisa que já fiz na vida! Aqui eu compartilho tudo o que sei sobre culinária, conto minhas histórias e ajudo quem precisa das primeiras lições na cozinha.

27 comentários… add one

Leave a Comment

Anterior:

Próximo: